Páginas

19/03/2013

Dias monótonos

Eu to muito enrolada e juro que não tenho mais certeza de nada. Ainda não apaguei sms antigos, da época que a gente se gostava muito. Você fala "eu te amo" antes de desligar o telefone, mas já nem sei se é mais verdade. Um dia foi.
Eu tinha me prometido nunca mais escrever sobre o amor se ele não existisse, contudo, você é a única exceção. Não sei mais que nome se dá a isso, acho que não é mais amor. Um dia foi.
Eu odeio quem não sabe o que quer! Na verdade, não odeio a pessoa, mas odeio o fato dela simplesmente não se decidir. Ou quer ou não quer. Um dia você quis. Mas quando o sol se pôs, sua vontade foi junto.
Saudades destes dias,
Mas eles passaram.
Uns se arrastaram, 
Outros voaram como pássaros. 
E acho que vou voar também, pra longe da sua indecisão.

Um comentário: